28/05/2015

A França e os Francêses | Arrogantes ou Simpáticos?

O pais possui em torno de 60 milhões de habitantes e uma considerável leva de imigrantes, principalmente fora da parte central de Paris, mas em áreas de seu entorno. Entretanto é muito difícil não se deparar com franceses de origem tunisiana ou de outras ex-colônias dirigindo táxis ou trabalhando em lojas de comércio nas partes principais de Paris. Não se assuste se ver camelôs, imigrantes vindos da África em Paris vendendo souvenir, paus-de-selfie ou guarda-chuvas em dias chuvosos.

Ao mesmo tempo em que a França é um dos países mais liberais do mundo, os Franceses, principalmente os parisienses adquiriram fama de serem um tanto arredios ou arrogantes por não gostarem de responder perguntas em outros idiomas. Antes de pisar em Paris pela primeira vez já havia escutado relatos de amigos e parentes que diziam que não respondiam perguntas em Inglês ou que alguns não demonstravam boa vontade para com visitantes ou turistas.

Em minha opinião os Franceses são muito educados e simpáticos principalmente se voce for educado com eles

Pelo que notei, na verdade eles tem um certo problema quando se pergunta diretamente em Inglês, pois a França já teve inúmeras guerras e pendengas históricas com a Inglaterra.

Parisienses tem por hábito sentarem-se em dia de sol em parques e praças para simplesmente apreciarem a paisagem. Em locais onde o gramado pode ser pisado, muitos se deitam nos gramados.
As brigas vem desde os tempos de Henrique V, Rei da Inglaterra que invadiu a França, tempos de Joana D´Arc e por fim das Guerras Napoleônicas. Quando se visita a Inglaterra, pode-se constatar que alguns de seus grandes heróis tem como alge de suas carreiras militares vitórias em grandes batalhas em guerra com a França, como é o caso do Duque de Wellington que derrotou Napoleão definitivamente em Waterloo e do Alimirante Nelson que anos antes destruiu o poder militar Francês na batalha de Trafalgar, evitando assim a invasão da Inglaterra e também restringindo as ações de Napoleão ao continente Europeu. Então perceba que, a derrota da França em alguns momentos históricos é comemorada na Inglaterra. Portanto, se trata de uma encrenca cultural séria, embora advinda de um passado e divergências distantes.

Ainda sobre as restrições à lingua Inglesa, os Franceses são muito patriotas e orgulhosos de sua cultura. Juntamente com a Itália, a França é um dos poucos paises que se orgulham de sua culinária e resistem à invsão dos MacDonald´s e Burger´s King´s por todo local. Na França, embora se encontre lojas de fast-food ao estilo norte-americano, a proliferação deste tipo de comida não é incentivada pela população que prefere bistros, restaurantes e brasseries com suas comidas típicas.

Notei que no aeroporto Charles de Gaulle em Paris, não existe por exemplo sinalizações ou placas em Inglês, pelo menos quando lá estive.
Entretanto, notei também que, se voce cumprimentar os franceses de forma educada e um pouco formal, usando o Francês básico e explicar que não fala Francês, explicar que sua lingua nativa é o Português e que se quizer pode falar em Inglês ou Italiano para conversar, eu pessoalmente notei que se tornam bem mais receptivos e simpáticos.

Frequentar bistros e restaurantes com mesinhas nas ruas parece ser um habito dos parisienses. Possuem um certo gosto pela gastronômia, e percebe nos detalhes de diferentes tipos de copos e talheres expostos nas mesas.
Minha experiência com os Franceses não foi ruim, pelo contrário notei que eles gostam de Portugueses, Brasileiros e Italianos. Na verdade, em toda a Europa um sorriso, um bom dia, um por favor antes de fazer um pedido ou pedir uma informação ajudam em muito na comunicação. Enfim, existe a lei da ação e reação na fisica, que se aplica também nas relações entre pessoas de diferentes culturas. É preciso primeiro demonstrar interesse e boa vontade com a cultura e lingua local, e somente recorrer à outros idiomas quando é impossível usar o idioma nativo. E quando o Francês percebe que voce tenta ser educado e se esforça por dizer um bom dia, boa tarde ou boa noite, um por favou ou muito obrigado na lingua deles, eles passam a ter bem mais boa vontade.

Entretanto se percebem uma certa arrogância ou descaso com a lingua e cultura local por parte de quem fala outro idioma, então eles podem simplesmente dizer que não estão entendendo nada, apesar de muitas vezes entenderem o que voce quer dizer ou perguntar.
Nas ruas de locais mais frequentados por parisienses, pode-se ver melhor a vida local, fora do enfoque meramente turístico. Mas sempre pode-se notar que, uma confeitaria, açougue, bristô ou qualquer lojinha sempre é arranjada com muito capricho. Comestíveis preparados ou não preparados, são exibidos em vitrines com preços colocados em plaquinhas, como se fossem um objeto de uma boutique. Na verdade expressa o apreço dos franceses pela gastronomia.
Ainda sobre hábitos culturais, muitos consideram os Franceses muito formais por se dirigirem com respeito aos demais, usando os termos Monsieur (Senhor) ou Madame (Senhora). Esta é outra estória, para muitos isto é um ponto positivo, se considerarmos estas qualidades como típicas de pessoas educadas e não intromissivas. Ou seja, de fato eu notei que, dirigir-se de forma respeitosa ou formal dá mais resultado positivo em termos de comunicação, pois eles de certo modo também se dirigem assim à nós.

Abaixo, coloco vários posts e artigos relacionados à França, Paris e planejamento de viagem.

3 comentários :

  1. Pois é, educação e boa vontade cabem em qualquer lugar.

    E foi muito legal ver que não importa em que país você esteja, quando diz que é brasileiro, eles abrem um sorriso instantaneamente.

    ResponderExcluir
  2. Ummm...acabei de chegar de Paris, sou portuguesa, e nem sabia que os parisienses tinham fama de arrogantes. Aprendi com a experiência. Quando cheguei fui simpática e sorridente para todos mas não resultou. Falei francês, ainda que não de forma totalmente correta, pois não pratico e já esqueci algumas palavras. O que recebi em troca foi frieza, olhos revirados, suspiros e mesmo palavras azedas (compreendo bem a língua). Então, comecei a comportar-me da mesma forma. E resultou...começaram a respeitar-me :D Além disso, não vale a pena dizer o contrário, mtos parisienses cheiram a fim-de-festa, urinam em todo o lado (cheiro nauseabundo de xixi no metro e em qualquer lugar menos frequentado) e são grosseiros!

    ResponderExcluir
  3. Resumindo tem que ser adulados, paparicados para serem educados.

    ResponderExcluir

Comente, dê sua opinião !