Moulin Rouge, Fui, Vi o Show e Gostei

O famoso show do Moulin Rouge não é barato, mas definitivamente vale a pena. Se planeja ir à Paris, considero que esta é uma atração que não deve ficar de fora.

O espetáculo é do tipo "Féerie Show" ou espetáculo que envolve danças, coreografia e muitos cenários fantasiosos, assim como fantasias requintadas e criativas.
O Moulin Rouge foi fundado em 1889, no final do século 19, no tempo da Belle Epoque de Paris. O pintor Tolouse Loutrec foi um de seus mais célebres frequentadores daquela época, e produziu desenhos e cartazes que imortalizaram aquela área de boêmia com seu traço pessoal. Ao longo de sua existência, artistas famosos lá se apresentaram ou visitaram o local.
Hoje no local não são mais organizados bailes onde se dança no salão, embora nos ingressos para o show esteja escrito "Le Bal du Moulin Rouge". Ao contrário do que alguns pessoas imaginam, não se trata de um show erótico, mas de um espetáculo com muitas alegorias, embora as coristas revelem plenamente sua anatomia. O nome da casa traduzido para o português é "moinho vermelho", pois de longa data existe um moinho sobre o teto.
Moulin Rouge à noite em Paris
A casa fica na área mais baixa do bairro de Montmartre, ao seja no sopé de uma colina, na Avenida ou Boulevard de Clichy. Nesta avenida, nas proximidades, também existem outras casas de shows noturnos para homens em busca de aventuras. Mas nada que estrague o espetáculo que é oferecido pelo Moulin Rouge nos tempos atuais, muito frequentado por casais e plateia em busca de entretenimento.
Moulin Rouge por Toulouse Lautrec | 1890-1891

Como comprar ingresso antecipado e tipos de ingresso

Os ingressos podem ser comprados antes da viagem, diretamente no site oficial do Moulin Rouge, www.moulinrouge.fr, e foi isto o que eu fiz. Após comprar com cartão de crédito, você imprime os ingressos e os guarda com você. Eu comprei com uma antecedência de quase 2 meses, e já estava um pouco complicado achar as melhores datas.
Existem ingressos somente para o show e também ingressos que incluem apenas bebida ou também um jantar. Comprar ingressos mais caros não é garantia de melhores lugares segundo meu ponto de vista. Certamente a casa coloca os que pagam mais perto do palco, mas neste caso fica-se com uma visão restrita, pois muitas mesas ficam enfileiradas perpendicularmente ao palco, e observei que algumas pessoas precisavam olhar para o lado ou para trás para ter uma visão completa do palco. Eu fiquei à uma boa distância do palco, e podia ver tudo de frente, tendo uma visão geral do espetáculo sem ter que ficar virando o pescoço à toda hora.
Moulin Rouge durante o dia no Boulevard de Clichy

Como se vestir para ir no Moulin Rouge

Outro quesito que preocupa as pessoas, e que me preocupou antes ir foi a questão do traje à ser usado para o "Bal du Moulin Rouge"!! Tanto no site como no ingresso eles explicam que "paletó e gravata" é uma vestimenta sugerida e apreciada para os homens, e que pessoas com trajes excessivamente esportivos, ou de bermuda e camiseta, tênis ou chinelo serão barradas.
Eu fiquei na dúvida, e na noite anterior à minha ida, dei uma volta pela área vi como a maioria das pessoas estavam. Posso dizer por mim que, se você não quiser usar paletó social, não é necessário.
Traje básico para homem: Eu usei apenas calça jeans escura, uma camisa social e uma jacketa de couro preta, e um calçado tipo sapatênis preto, bem discreto. Não tive problema algum.
Traje básico para mulher: Minha esposa estava de calça jeans escura, uma blusa social com um xale sobre os ombros, sapato social baixo, colar e pulseiras.
Observei que lá dentro, praticamente ninguém usava gravata. Mas ninguém também estava mal vestido ou com vestimenta inadequada, embora os porteiros e alguns atendentes usem black tie.
Moulin Rouge em Montmartre, Paris

Como chegar lá, taxi ou metrô

É fácil ir ao Moulin Rouge, sendo o local de fácil acesso e tendo a estação Blanche do Metrô muito próxima.
Na primeira vez que fiquei em Paris, eu estava hospedado no primeiro arrondissement, muito perto do Museu do Louvre. Peguei táxi para ir e voltar. Gastei uns 11 Euros para ir e uns 12 Euros na volta também de táxi. Táxi em Paris não é tão caro se a distância não for muito longa.
Quem está hospedado em Montmartre pode tranquilamente ir à pé e voltar também à pé. Alias, uma caminhada noturna por ali não fará mal à ninguém. Aproveite e caminhe pelo Boulevard de Clichy até área do Pigalle para observar a as luzes daquela área de boates e cabarés se assim quiser.
Mas se você estiver hospedado na parte alta de Montmartre, que é uma área melhor, aproveite para entrar em algum bistrô antes de retornar ao hotel.

Abaixo, coloco vários posts e artigos relacionados à França, Paris e planejamento de viagem.

Comentários

  1. Eu paguei o maior mico ! Fui de terno e gravata, e chegando lá quase ninguém estava de terno quanto menos gravata. A maioria estava bem vestidos, mas sem gravata. Ví um japonez que estava de jeans e japona de nylon e usando apenas um tennis preto. Creio que ele entrou.

    ResponderExcluir
  2. Pra falar bem a verdade, deu um pouco de insegurança (ciuminho) aquelas meninas todas lindas o tempo todo com os seios a mostra, mas o show foi tão bom que deu pra esquecer os seios de fora rapidinho :)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comente, dê sua opinião !