09/02/2016

French Quarter | Bairro Francês

O French Quarter ou Bairro Francês, também chamado de Vieux Carré, é a principal e mais movimentada área histórica de New Orleans. No local estão as principais atrações da cidade, entre elas o casario histórico com sacadas detalhadas, bares, restaurantes, lojas, musica ao vivo em bares e na rua.

Ao perambular pelo French Quarter você vai contemplando inúmeras casas pitorescas de estilo coerente, e ao entrar em alguns pátios ou courtyards vera verdadeiras pérolas remanescentes da arquitetura hispânica, do tempo em que a Louisiana era uma província ou colônia da Espanha. Na imagem acima uma imagem acima, onde coloquei em primeiro plano uma rua do Vieux Carré e tendo mesclado ao fundo um belo pátio de interno de uma antiga construção usada como galeria de arte.
Montagem artística de exteriores e interiores fotografados no French Quarter.
As principais ruas são a Royal Street, Decatur Street e Bourbon Street. Ao passear por lá, procure ir do começo ao fim de cada uma destas ruas. É interessante também descer pela Saint Peter, e ver um dos mais belos prédios com varandas do local, na esquina da Royal com Saint Peter.
Entre as demais atrações dentro do Bairro Francês ou em seu redor imediato estão a Jackson Square, praça principal de New Orleans Mercado Francês na Rua Decatur, o River Walk, um parque ou calçadão ao longo do Rio Mississippi.
A Cannal Street é uma rua importante que fica na divisa do French Quarter com o Central Business District, e Frenchmen Street fica um pouco depois da divisa com outro bairro, o Faubourg Marigny. Na Frenchmaen St. existem inúmeros bares com bandas ao vivo para os mais variados gostos.
Calle Real ou Royal Street no Bairro Francês
Acima a Calle Real ou Royal Street na esquina com rua Philip. Em primeiro plano, em loja pintada na cor salmão, vemos uma certa Red Truck Gallery ou "Galeria Caminhão Vermelho". O Bairro Francês é cheio de galerias de arte por todos os lado onde predomina a chamada "Pop Art" ou "arte popular". Na verdade a "pop art" valoriza a predominância da  criatividade ou surpresa (isto é muito duvidoso) sobre a técnica, algo tipo Andy Warhol e seguidores. É como se de uma hora para outra, pernas de pau criativos passassem a jogar futebol fazendo gols de canela, nuca, bunda, orelha, com raquetada, ou dando paneladas na bola e etc. *risos.
Varanda típica das edificações do Vieux Carré ou Bairro Francês de Nova Orleans
O restaurante Cornet fica na esquina da Saint Peter com Bourbon Street, em uma bela edificação, e seu restaurante dedicado à culinária de New Orleans. O restaurante diz que foi fundado por uma família que deu o primeira trompete à Louis Armstrong.

Royal St. esquina com Saint Peter St.
Acima um dos edifícios mais destacantes de toda New Orleans, ficando no Bairro Francês, na movimentada esquina da Calle Real com Saint Peter. Observe o edifício todo avarandado com decoração e estrutura em ferro fundido. No final de século 19 certamente era ferro fundido. Atualmente, observei na cidade trabalhadores fazendo manutenção. Creio que atualmente usam peças de aço para repor as antigas colunas e pequenas vigas, mas feitas com os mesmos ornamentos.
Bairro Francês | Royal St, Peter St e Pontalba Building na Jackson Square.
 Nas fotos acima o interessante casario do Bairro Francês com seus edifícios avarandados. A primeira varanda serve também de marquise cobrindo a calçada. Os ornamentos em ferro fundido das varandas e as plantas lá colocadas muitas vezes em abundância criam cenários interessantes e pitorescos.
French Quarter e Royal St.
 Acima fotos da Calle Real ou Royal Street no French Quarter no início da noite e com leve chuva. Na foto do canto inferior esquerdo, vemos uma banda de jazz tocando ritmos de Mardi Gras. A viagem foi no Outono, em Outubro, mas sempre vemos nas ruas alguma banda.
Edifícios avarandados na Calle Real
E para finalizar, mais uma foto de edifícios avarandado e com comércio no térreo, na Calle Real ou Royal Street. Realmente muito bonita e pitoresca a bela Nova Orleans que sabiamente preservou aquele pedaço de sua história.

Veja também:

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comente, dê sua opinião !